História

A Rede PTnet começou há muito, muito tempo atrás...Mas foi apenas em 22 de Outubro de 1997' que foram criados os 'Serviços da PTnet' (ChanServ, NickServ, MemoServ). Com a criação destes, um grupo de visionários, AsHeS e CRE8OR, em particular, sentindo a necessidade de criar um canal de ajuda, fundaram o #PThelp, a 29 de Maio de 1998, um canal que cada vez mais é uma referência na PTnet.

Pouco tempo passado o projecto aumento de dimensões, e os fundadores, AsHeS e CRE8OR decidiram que a PTnet deveria ter um papel mais activo no projecto, deixando-o assim ao cargo de Rob_ (Services Administrator, e ainda actual Administrador do #PThelp) e abandonando-o. O Rob_ pegou no projecto e tentou formar um canal de ajuda baseado em Operadores da Rede (IRCops), criando assim o primeiro esboço do que seria o #PThelp no futuro, tornando-o no canal oficial de ajuda da PTnet, o único reconhecido pela PTnet nestas funções visando criar utilizadores cada vez mais independentes dele tendo como mote "Não damos o peixe...ensinamos a pescar!", assim não se surpreenda se lhe sugerirem comandos de ajuda como /ChanServ Help.

Com o passar do tempo a tentativa de formar uma equipa apenas composta por Operadores da Rede foi posta de parte abrindo assim o caminho a utilizadores com conhecimentos para ajudar, deixando o Rob_ a liderança do projecto ao cargo de um "Administrador", o To (IRCop), que era também Helper na Undernet. Ao contrário do que muitos pensam estes utilizadores que se juntaram actualmente ao projecto são voluntários que ajudam por gosto e sem receber qualquer pagamento, excepto o seu obrigado! Ajudam por gosto e não por obrigação, querendo melhorar a rede e dando o máximo por isso. Assim ao ser ajudado, ou ajudar, "Respeite para ser respeitado, do lado de lá de cada nick há uma pessoa com sentimentos!", e se possível agradeça: um "Obrigado"!

Por outro lado se quer realmente ajudar muito mais importante do que saber "todos os comandos da PTnet" é saber ajudar e antes que tudo pedir aos Helpers presentes autorização para ajudar (Ver Regras). Não seja arrogante, tenha sempre paciência para os users que lhe vêm pedir ajuda, e sobretudo não pense que já sabe tudo pois todos os dias se aprende algo de novo! Acate sempre as sugestões do Helpers ou Wannabes com op(@), eles tem mais experiência e estão ali para ajudar. Lembre-se que ninguém nasce ensinado. Assim, se um user tem uma dúvida, não se ria... Ajude-o!

A PTnet expandiu-se e o #PThelp tornou-se uma referência indiscutível na PTnet, para os utilizadores "novatos", que surgiam cada vez mais rápido e em maior número.

Estávamos em 1999 e fora criado o #PTHelp-Trojans, canal "dependente" do #PThelp, de ajuda à remoção de Vírus/Trojans/Worms criado pelo GaTiLhO e yussi.

Com mais um ano a passar, estando agora em 2000 (o ano em que se pode dizer que em Portugal se deu o "boom" da Internet) com ISPs - (Internet Service Providers) grátis a surgirem em grande número aumentando drasticamente o número de Portugueses com acesso em casa à Internet. Esta mudança reflectiu-se também na PTnet, aumentando significativamente o número de utilizadores da rede.

Com a crescente procura de ajuda, o canal tornou-se num grupo bem organizado, estando a maior parte da administração a cargo de IRCops, mas sendo a maioria dos seus membros constituída por utilizadores normais. Tinha-se assim uma hierarquia definida de Administradores, Co-Administradores, Helpers e Wannabes.

Desde então, o #PThelp tem sofrido alterações a todos os níveis. A administração da equipa passou do To para o Caetano (também IRCop, pelo servidor isec.PTnet.org), tendo-se reestruturado as regras e renovado a equipa. Foi nesta altura que o projecto iniciou um dos períodos mais estáveis da sua história, estabilidade essa que se manteve até aos dias hoje.

Para saber mais sobre este canal e a sua equipa, só mesmo entrando no canal.

Sempre que precisar de ajuda, ligue-se à PTnet (/server irc.PTnet.org) e entre no canal de ajuda da rede /join #PTHelp.

Lembre-se sempre de usar este canal não como um direito, mas como um privilégio.